Série D: Rivais, Mirassol e Ferroviária disputam jogadores que estão na Série B

O meia Gabriel Calabres e o atacante Murilo Oliveira perderam espaço no Botafogo-SP

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 24 (AFI) - Não é só dentro de campo que Mirassol e Ferroviária estão travando uma disputa. Isso vem acontecendo também fora das quatro linhas quando se trata de reforços.

O Mirassol demonstrou interesse nas contratações do meia Gabriel Calabres e do atacante Murilo Oliveira, que perderam espaço no elenco do Botafogo-SP durante a Série B. Já a Ferroviária está de olho apenas em Murilo Oliveira.

Gabriel Calabres perdeu espaço no Botafogo-SP (Foto: Raul Ramos/Agência Botafogo)
Gabriel Calabres perdeu espaço no Botafogo-SP (Foto: Raul Ramos/Agência Botafogo)
Vale lembrar que, recentemente, o meia Léo Artur, ex-Corinthians e Ponte Preta, deixou a Ferroviária depois de receber uma proposta do Mirassol.

A Ferroviária é a líder do Grupo 7, com três pontos. Já o Mirassol empatou na estreia e está na sexta colocação. Os dois times voltam a campo no sábado, contra Portuguesa-RJ e Cabofriense-RJ, respectivamente.

SOBRE ELES
Gabriel Calabres, de 22 anos, passou pela base do São Carlos, mas foi revelado no Santos. O meia, porém, quase não teve oportunidades no profissional e deixou o clube em 2019, contratado pelo Cianorte.

No ano passado, Calabres foi emprestado para a Chapecoense, mas também não teve oportunidades. Já no Botafogo-SP, disputou 16 partidas nesta temporada.

Murilo Oliveira, também de 22 anos, foi revelado nas categorias de base do São Paulo, mas não teve oportunidades no profissional, sendo emrestado ao Cianorte em 2018.

Em 2019, o atacante foi contratado pelo Fernandópolis, onde se destacou e marcou 15 gols em 23 jogos. As boas atuações chamaram a atenção do Botafogo-SP, onde está desde o início do ano. Em 13 partidas, Murilo Oliveira marcou apenas um gol.