Paulista A2: Técnico do Taubaté ressalta importância dos treinos e pede sacrifício

Com três vitórias nos quatro últimos jogos, Burro da Central é o vice-líder da segunda divisão

por Agência Futebol Interior

Taubaté, SP, 14 (AFI) - Um mês depois da paralisação da Série A2 do Campeonato Paulista, graças à evolução da pandemia do novo coronavírus no país, João Vallim faz questão de enaltecer a importância dos treinamentos home office.

O treinador do Taubaté, vice-líder da competição e embalado com três vitórias nos quatro últimos jogos, pede sacrifício extra aos jogadores neste momento de quarentena.

"Sei que não é fácil, mas é importante seguir as determinações dos profissionais do clube em relação às atividades em casa, principalmente os trabalhos físicos. Essa parte é fundamental, pois será um quesito em que poderemos prevalecer em relação aos adversários", pontuou Vallim.

Vallim quer levar o Taubaté à Série A1 de 2021 (Foto: Caíque Toledo/EC Taubaté)
Vallim quer levar o Taubaté à Série A1 de 2021 (Foto: Caíque Toledo/EC Taubaté)

INCERTO

O comandante do Burro da Central também vive período de incerteza em relação ao reinício da Série A2, interrompida por tempo indeterminado e, por enquanto, sem nenhuma perspectiva de retomada.

"Não há nada de concreto quanto à volta dos trabalhos, mas temos que estar próximos do ideal para darmos continuidade nos trabalhos no futuro. É rezar e torcer para que tudo volte à normalidade o mais rápido possível", declarou.

"É correr atrás do nosso objetivo, que é levar o Taubaté para onde ele merece estar, justamente na primeira divisão de São Paulo", completou o comandante taubateano.

CENÁRIO

Com 21 pontos em segundo lugar, o Taubaté tem classificação encaminhada às quartas de final. Os três compromissos restantes do time do Vale do Paraíba são: Red Bull Brasil (casa), Sertãozinho (fora) e São Bernardo (casa).