Sérgio Carvalho: Flamengo, o menos ruim do Brasileirão, foi o campeão !

Todos os vinte clubes (alguns mais e outros menos), jogaram com o freio de mão puxado. Sobrou bi para o Mengão

por SÉRGIO CARVALHO - - - Campinas

O Campeonato Brasileiro de Futebol de 2020 foi tecnicamente sofrível. Nenhum time jogou um futebol envolvente, objetivo e de qualidade indiscutível. Todos os vinte clubes (alguns mais e outros menos), jogaram com o freio de mão puxado.

Por isso, ao sagrar-se campeão brasileiro da temporada, o Flamengo só merece elogios pela aplicação, pela dedicação de seus atletas. Mas, como time de futebol, foi decepcionante. Jamais igualou aquele Flamengo que, com méritos em todos os sentidos, foi campeão na temporada 2019.

A campanha foi tão decepcionante em 2020, que o Flamengo só liderou o campeonato nas duas últimas rodadas. Antes disso, jamais havia ocupado o primeiro lugar na tabela de classificação, mesmo que por pouco tempo. Uma enorme decepção. Ainda assim faço questão de cumprimentar diretoria, elenco e o técnico Rogério Ceni por esta brilhante conquista.

Jogadores do Flamengo comemoram o bicampeonato brasileiro
Jogadores do Flamengo comemoram o bicampeonato brasileiro

NÃO FOI BOM
Isso vem provar como o Brasileirão 2020 foi um dos piores campeonatos de futebol disputados em nosso País. Para que vocês tenham uma ideia, em 38 jogos o Flamengo só ganhou 21 e chegou a perder 9 vezes.

Seu ataque até mostrou serviço, pois marcou 68 gols em 38 jogos, mas sua defesa não foi assim tão bem para quem ganhou um título tão importante. Defesa rubro negra sofreu 48 gols, o que dá mais de um gol por partida.

Aliás, contesto todos aqueles que consideram o Flamengo um timaço de futebol. É apenas um bom time, mas não é, por exemplo, muito melhor do que o Inter, que foi vice- campeão e também não atravessa boa fase.

VEJA ! CAMPEÕES LEVANTAM A TAÇA NO MORUMBI

CONFIRA OS NÚMEROS
Para provar isso, vamos a uma comparação dos números oficiais. Flamengo somou 71 pontos. Inter 70. Rubro negro ganhou 21 partidas, e o Colorado, 20. O ataque do Flamengo marcou 68 gols enquanto o do Inter fez 61. Inter sofreu 35 gols contra 48 sofridos pelo Mengão. Equilíbrio total entre os dois times. O Inter, por isso mesmo, merecia o título tanto quanto o Flamengo.

Os artilheiros do campeonato não pertencem nem ao Flamengo, nem ao Internacional. Luciano, do São Paulo e Claudinho, do Bragantino, fizeram 17 gols cada um e chegaram em primeiro lugar na artilharia do campeonato.

Confiram outros números interessantes. O Flamengo teve o melhor ataque com 68 gols. O Inter, a melhor defesa, com 35 gols contra. Maior número de vitórias foi do Fla com 21.

OS QUE MAIS PERDERAM
Maior número de derrotas foi de Coritiba e Botafogo, que perderam 24 jogos. O time que mais empatou foi o Grêmio, de Renato gaúcho: 17 empates em 38 jogos. Com o título conquistado, o Flamengo chegou a oito títulos no Brasileiro. É octacampeão.

Inter perdeu muitas chances contra o Corinthians
Inter perdeu muitas chances contra o Corinthians

Na sequência estão Corinthians com 7 títulos, Palmeiras e São Paulo com 6, Vasco da Gama com 4, Cruzeiro, Fluminense e Internacional com 3, Santos e Grêmio com 2.

Ah, como ganhou as últimas temporadas (2019 e 2020), o Mengão é o atual bicampeão brasileiro.

SELEÇÃO DO CAMPEONATO
E para terminar, aqui vai minha seleção do campeonato. No gol eu tinha escolhido Hugo Souza, jovem goleiro do Flamengo, que teve boa performance no campeonato.

Mas como falhou feio contra o São Paulo, optei por Marcelo Lomba, do Inter, de Porto Alegre, como o melhor da posição na temporada 2020 (lembro que a defesa do Internacional foi a menos vazada).

E TEM MAIS
Na lateral direita escalo Guga, do Atlético MG. Na dupla de zagueiros internos, Victor Cuesta, do Inter e Lucas Veríssimo, do Santos. Na lateral-esquerda, Viña, do Palmeiras. Na cabeça de área, Gerson, do Flamengo. Nas meias, Edenilson, do Inter, Arrascaeta, do Flamengo e Claudinho, do Bragantino.

E no ataque Marinho, do Santos (fez um campeonato fantástico) e Gabigol (fez os gols decisivos da campanha do Flamengo). Rogério Ceni, pelo título, foi o melhor treinador.

SÉRGIO CARVALHO - -
Sérgio Carvalho é um dos ícones do jornalismo esportivo brasileiro. Sua coluna ganhou mais de cincoenta prêmios durante o período em que foi publicada pelo Diário de São Paulo (antigo Diário Popular) durante mais de vinte anos. Hoje é um dos pontos de referência entre os colunistas do Futebol In
Veja perfil completo
Veja todos