Paulistão: Jesualdo assume a responsabilidade pelas fracas atuações do Santos

"A responsabilidade é sempre do treinador. Assumo a responsabilidade toda. A proposta sou eu que faço"

Publicado em .

"A responsabilidade é sempre do treinador. Assumo a responsabilidade toda. A proposta sou eu que faço"

Rio de Janeiro, RJ, 22 - O técnico Jesualdo Ferreira assumiu a responsabilidade pelas fracas atuações do Santos neste início de temporada, após a derrota por 2 a 0 para o Ituano, neste sábado, pela sétima rodada do Campeonato Paulista, no Novelli Junior.

O treinador afirmou que os jogadores do Santos estão seguindo as suas orientações, por isso, os isentou pelo baixo rendimento. O português disse também que está consciente das cobranças que receberá e lembrou que, apesar das atuações pouco convincentes, o time lidera o Grupo A do Estadual com 11 pontos.

"A responsabilidade é sempre do treinador. Assumo a responsabilidade toda. A proposta sou eu que faço. Eles fazem o que peço. Apesar de tudo, lideramos o grupo desde o princípio. Sei que a cobrança é alta. Por seu histórico, o Santos quer muito, e eu também".

ATUAÇÃO RUIM

Sobre a derrota para o Ituano, Jesualdo reconheceu que a atuação ruim na etapa inicial foi determinante para o resultado.

"A partir do primeiro gol, a equipe perdeu a confiança, não foi a mesma. Na segunda parte, vocês todos perceberam a reação, a intensidade, a agressividade, o controle de bola, a criação de algumas situações. Se tivesse acontecido um gol, o jogo poderia ter outra cor e poderíamos ter um resultado melhor", lamentou.

CLÁSSICO COM PALMEIRAS

Na oitava rodada, o Santos buscará a reabilitação no clássico contra o Palmeiras, no próximo sábado, no Pacaembu. O treinador aproveitou a oportunidade para pedir o apoio da torcida do clube na capital.

Diferentemente do que se poderia esperar, o treinador santista acredita que é uma boa hora para enfrentar o rival, conquistar uma vitória e superar as atuações ruins contra Ferroviária e Ituano, quando o time somou apenas um pontos e não marcou gols.

"O jogo com o Palmeiras é diferente. Fica um pedido: vamos jogar em São Paulo, temos muitos torcedores, e espero que incentivem a equipe por um jogo melhor e um resultado melhor. Acho que é bom o próximo jogo ser o Palmeiras. Acho ótimo", completou.